Solidariedade na época natalícia

A faltarem apenas alguns dias para o dia de Natal, dou por mim a ver um frenesim entre as pessoas e o caos instalado nas superfícies comerciais de forma a conseguirem comprar os presentes para os seus entes mais queridos. E não me interpretem mal, dar presentes às pessoas que mais gosto sabe-me muito bem, mas por vezes dou por mim a pensar naqueles com os quais a vida foi mais injusta e que se vêm nesta altura do ano sem companhia ou sem fundos monetários para celebrar o dia de Natal, quer seja para oferecer um ou outro presente ou mesmo para celebrar a ceia da véspera de Natal. E por isso, hoje trago duas sugestões de causas solidárias que podemos apoiar para proporcionarmos um Natal mais feliz a quem mais precisa.

Uma associação que acolhe e acarinha crianças até aos três anos que esperam por um futuro mais alegre - família biológica, família adoptiva ou alguém que lhes dê a mão. Como é de esperar, a Ajuda de Berço necessita de toda a ajuda possível, e nós podemos contribuir de diversas formas: voluntariado, donativo ou entrega de produtos necessários para o quotidiano de todas as crianças. Basta visitarem o site da Ajuda de Berço para encontrarem toda a informação necessária para ajudarem.

Os CTT juntaram-se pelo segundo ano consecutivo a instituições que albergam crianças em risco e realizaram de novo o Pai Natal Solidário. Nesta missão, as crianças escrevem uma carta ao Pai Natal com os seus desejos e estas são colocadas em www.painatalsolidario.pt, e de seguida basta apadrinharmos uma carta e entregar o presente tão desejado numa loja dos CTT e eles encarregam-se de tudo o resto. Um processo muito fácil que irá fazer muitas crianças felizes! Felizmente, já são muitas as cartas apadrinhadas, mas pelo meio de tantas cartas ainda existem umas quantas disponíveis para apadrinhar.

CONVERSATION

0 Comentários:

Enviar um comentário

Back
to top